Página Inicial > Oportunidades, Outros tipos de perícias > Avaliação de máquinas e equipamentos e depreciação por Ross-Heidecke

Avaliação de máquinas e equipamentos e depreciação por Ross-Heidecke

15, setembro, 2010

Avaliação de máquinas e equipamentos - depreciação - Ross Heidecke

Um cliente de nosso livro Manual de Perícias telefonou, pedindo orientações a respeito de como deveria proceder em uma avaliação de secador de grãos: nesse caso, ser poderia utilizada a tabela de Ross-Heidecke?

Ele havia comprado o livro já alguns meses e, de lá para cá, vem realizando perícias na região noroeste do estado do Rio Grande do Sul.

Também perguntou sobre outra perícia que havia realizado, na qual o juiz determinou que ele se manifestasse sobre o que o assistente técnico, por sua vez, havia dito sobre seu laudo. O nosso cliente queria saber se teria que repetir todo o laudo ou deter-se apenas no que o assistente criticou.

Respondi o primeiro questionamento dizendo que a tabela Ross-Heidecke é excelente para a depreciação de máquinas e equipamentos, da mesma forma como é para a depreciação de construções.

________________________________________________________________

Avaliação de máquinas e equipamentos e depreciação por Ross-Heidecke e como ser Perito Judicial
Adquira o livro Manual de Perícias ou realize um de nossos cursos: Curso Perícia Judicial OnlineCurso Perícias Judiciais ou Curso Perícia Judicial Ambiental

________________________________________________________________

Quando queremos avaliar, por exemplo, uma pá-carregadeira usada, talvez tenhamos que fazer uma pesquisa a respeito do mesmo modelo, porém novo, e depois depreciar o valor obtido na pesquisa até chegar ao estado e vida útil da pá-carregadeira que queremos avaliar.  Na tabela Ross-Heidecke, informamos a vida útil e o estado em que se encontra o equipamento, e dela extraímos o percentual do valor depreciado pelo tempo e pelo estado de conservação. Sugeri que ele acessasse a página de nosso site em que existe um modelo prático.

Devemos lembrar que a avaliação de máquinas e equipamentos pode reverter bons honorários para o avaliador, em se tratando, como é, de um laudo simples de fazer. Por exemplo, se o valor da pá-carregadeira for R$ 250.000,00, os honorários serão R$ 3.340,00, segundo a Tabela de Honorários do IEL – Instituto de Engenharia Legal do Rio de Janeiro.

Em relação à réplica à manifestação feita pelo assistente técnico, envolvendo o laudo do cliente em questão, respondi que não necessitaria fazer um novo laudo; simplesmente bastaria fazer referências pontuais ao referido pelo assistente.

Título: Avaliação de máquinas e equipamentos e depreciação por Ross-Heidecke

Compartilhe e aproveite!
 
  • Facebook
  • Twitter
  • Add to favorites
  • LinkedIn
  • Google Bookmarks
  • Orkut
  • RSS
Os comentários estão fechados.